6 de jun de 2007

Ação e (re)ação!

Ação e (re)ação!

Queria ser como o tempo,
mas sou apenas um espaço...
Escreveria com o pensamento, mas apenas traço rabiscos ao vento!

Lembranças doídas que consomem a alma,
disfarçadas com um sorriso amargo, que tem gosto de fel!

Decisões forçadas mas que deixaram apenas o sabor do sal.
Máscara sorridente de um ser infeliz...

Que finge ser alegre, na lágrima contida do olhar!
Escondendo a tristeza, na página envelhecida do passado.

Porque minha história é essa...
vivendo da ação passada e fingindo a reação que não senti!

Guerreira

Nenhum comentário:

Postar um comentário